Meia afirma, "vencer clássico muda tudo, muda a história da competição"

Meia afirma, "vencer clássico muda tudo, muda a história da competição"
(Foto: Douglas Monteiro / Comunicação Vila Nova)

O Vila Nova enfrenta o Atlético no próximo sábado, jogando no estádio Serra Dourada, às 16:30hs. O clássico local é válido pela 11ª rodada da Série B e mesmo sem vencer há seis jogos, caso o time colorado consiga o triunfo diante do seu rival e dependendo de resultados da rodada, o Tigrão iguala o número de pontos do quarto colocado da competição, o Avaí.

A preparação para encarar o Dragão começou ontem no CT Marconi Perillo e na tarde desta quarta-feira (13), o técnico Hemerson Maria segue trabalhando a equipe que entra em campo no sábado. O atacante Vinícius Leite segue em observação após ter sofrido um choque na cabeça, no empate em um a um com o Guarani na rodada anterior e Felipe Silva que também se chocou e chegou a dar pontos na cabeça, treinou normalmente na tarde de ontem. Mesmo com seis jogos sem vencer, o meia atacante Alex Henrique, autor do gol de empate na última rodada, entende que vencer um clássico pode mudar tudo na sequência da competição.

-Clássico é sempre clássico, independente da situação de cada time, vencer um clássico muda tudo, muda a história da competição e temos que encarar da melhor maneira possível. É uma semana boa de trabalho, estamos a dois pontos do G-4 e se for ver pelos números, dependendo da rodada, uma vitória nos coloca no grupo dos quatro primeiros. É ter tranquilidade e trabalhar forte durante a semana pois o clássico vai exigir bastante e temos que estar preparados o máximo possível – analisou Alex Henrique.

Os ingressos começaram a ser vendidos na manhã de hoje (13) e o detalhe é que ficou acordado entre as duas diretorias, que assim como acontece nos jogos diante do Goiás, as partidas entre Vila e Atlético também serão com torcida única, apenas a torcida do mandante. Nesse caso, essa primeira partida terá apenas o torcedor colorado e no jogo da volta, no considerado segundo turno, apenas o torcedor atleticano terá acesso ao jogo entre as duas equipes.


#SóVermelhoNoMeuCoração


Paulo Massad / Assessoria de imprensa