Vila Nova entra na reta final de preparação para enfrentar o Boa

Vila Nova entra na reta final de preparação para enfrentar o Boa
(Foto: Douglas Monteiro / Comunicação Vila Nova)

Na reta final de preparação para enfrentar o Boa Esporte, o técnico Hemerson Maria tem mais dois trabalhos pela frente. Um na tarde desta quinta-feira (11) e a última atividade amanhã pela manhã, em seguida os relacionados já entram em concentração para o compromisso do sábado às 16:30 no Serra Dourada. Os ingressos para essa partida estão à disposição para compra antecipada desde a última quinta-feira(04) e o torcedor além das lojas Sherife, ainda tem opções de compra no OBA, na Papelaria Glória e também no site meubilhete.com.

Faltando oito rodadas para o fim da competição, o Vila Nova precisa de dezoito pontos em 24 que serão disputados. Há quem diga que com mais 17 pontos, totalizando 62, um time conseguirá subir para a Série A do ano que vem. Das oito partidas, o Vila Nova terá 5 em Goiânia e o primeiro desses oito será justamente contra o lanterna, Boa Esporte. O lateral esquerdo Gastón Filgueira reconhece o favoritismo colorado mas prega cuidado na partida, por entender o equilíbrio da competição.

-A gente não pode esconder que a posição na tabela da um favoritismo pro Vila, só que essa Série B tem mostrado que todos os jogos são difíceis. Mesmo diante de times que estão numa situação ruim, como o Boa e tem que buscar pontos tanto fora quanto dentro de casa para tentar sair da situação que se encontram. Acredito que não vai ser um jogo muito aberto e eles vão tentar aproveitar contra ataques e erros de passes nosso, então precisamos fazer um jogo muito inteligente e equilibrado pra sairmos com o resultado positivo-falou Gastón.

Para o jogo contra o Boa, o comandante colorado não contará com os dois volantes que foram titulares no empate diante do Atlético na última rodada, Geovane e Wellington Reis receberam o terceiro cartão amarelo e cumprem automática no jogo de sábado. Por outro lado, dois jogadores se recuperaram de contusão e voltam a ficar à disposição, o atacante Rafael Silva que foi vetado de última hora do clássico por ter sofrido um choque na cabeça, no treino da semana passada e o lateral direito Maguinho recuperado de contusão na fíbula, fora dos gramados desde o fim do mês de agosto.

#SóVermelhoNoMeuCoração

Paulo Massad / Assessoria de imprensa