Neto Moura se recupera de contusão e deve ser relacionado pra sábado

Neto Moura se recupera de contusão e deve ser relacionado pra sábado
(Foto: Douglas Monteiro / Vila Nova F.C.)

O Vila Nova segue os trabalhos de preparação para enfrentar o Atlético no próximo fim de semana, na volta da Série B. O técnico Eduardo Baptista já sabe que não poderá contar com o lateral esquerdo Gastón que devido uma fratura em um osso do pé, fica fora por pelo menos trinta dias. Por outro lado, quem vem trabalhando normalmente é o volante Neto Moura, recuperado de uma contusão no nariz. O jogador participou da entrevista coletiva na manhã dessa quarta-feira (10) e falou sobre enfrentar esse clássico, no estádio do adversário, onde eles ainda não perderam na competição.

-Jogo difícil, o Atlético tem um bom time, mas temos que impor nosso ritmo. Nós precisamos vencer, a gente está quase na parte de baixo da tabela, então temos que vencer de todo jeito, impor nosso ritmo, jogar forte pois eles são fortes em casa. Temos que pressionar já que se formos com moleza, eles vão se dar bem. Então temos que pressionar e buscar a vitória de todo jeito, pois estamos precisando – destacou Neto Moura.

Ainda no período de recuperação da fratura no nariz, Neto Moura não pôde participar do amistoso diante do Corinthians no último dia 04, mas o jogador reconheceu que apesar da derrota, o Vila Nova se comportou bem em campo. Para o jogador, a postura do time e a maneira com que atuou, deixa o grupo mais confiante pra sequência da Série B e esse crescimento tem que aparecer nos próximos jogos para o Vila Nova conseguir triunfar na competição.

-Dá confiança né, eu não pude jogar mas acompanhei. Fomos muito bem, acabamos sofrendo o gol no finalzinho, coisa que acontece. Temos que manter essa pegada, esse ritmo e levar pros outros jogos também, essa posse de bola, essa chegada forte na frente e tentar fazer os gols, pois vai nos ajudar muito durante o campeonato – comentou.

Durante a entrevista coletiva o jogador foi questionado sobre o último encontro entre os dois times, ainda pelo Campeonato Goiano que acabou gerando confusão após o apito final. Neto Moura não acredita que possa haver algo desse tipo na partida de sábado e que a disputa ficará só dentro de campo, durante os noventa minutos. Não há tensão por receio de confusão, mas também não tem clima tranquilo, já que se trata de um clássico e o Vila Nova necessita da vitória, como enfatiza o jogador.

-Pra nós não tem nada de tranquilidade não, queremos vencer o jogo. É como se fosse uma final também, é um clássico. Os dois times querem vencer e precisamos muito desse resultado pra dar uma subida na tabela. A gente vencendo, vai ser a segunda vitória consecutiva e depois temos um jogo em casa, será importante essa vitória, pra gente ficar mais tranquilo – ressaltou Neto Moura.

#SerVermelho

Paulo Massad / Assessoria de imprensa