Vila Nova empata no tempo normal, é derrotado nos pênaltis e está eliminado da Copa do Brasil

Postado em: 27/02/2020 às 23:40

Vila Nova empata no tempo normal, é derrotado nos pênaltis e está eliminado da Copa do Brasil
(Foto: Álvaro Júnior / PontePress)

O Vila Nova foi eliminado pela Ponte Preta na 2ª fase da Copa do Brasil 2020. Na noite desta quinta-feira (27), o Tigre empatou por 0 a 0 no tempo normal no Estádio Moisés Lucarelli. Por ser jogo único, a disputa foi definida nas penalidades - 5 a 3 para a Ponte nos penais.

O primeiro tempo foi morno. O colorado construiu chances especialmente com Talles, que uma vez finalizou por cima do gol e em outra chutou fraco nas mãos de Ivan. Pelo lado do Vila Nova, o goleiro Fabrício também foi pouco acionado e a Macaca perdeu boas oportunidades com Roger e Apodi, em chutes fracos.

No segundo tempo, o panorama seguiu o mesmo. A melhor chance do Vila foi com Brunão, após cruzamento em falta de Gilsinho. O zagueiro de camisa 33 do Tigre subiu mais alto que todos, na altura da pequena área, mas cabeceou um pouco à direita do gol campineiro. Desta forma, a partida terminou em 0 a 0.

Nas penalidades, Dimba, Emanuel Biancucchi e Mário Henrique acertaram para o colorado. Gilsinho, porém, mandou por cima do gol em sua oportundidade. Com o êxito da Ponte em todos os penais, o clube paulista se classificou para a 3ª fase da Copa do Brasil e enfrentará o Afogados, de Pernambuco.

O Vila Nova volta todas as suas atenções ao Campeonato Goiano. Sem tempo para digerir o revés, o Tigre terá clássico no próximo domingo (1º), contra o Goiás, no OBA, às 16h, pela 8ª rodada do Goianão.

Ficha técnica

Ponte Preta 0 (5) x (3) 0 Vila Nova
Data: 27 de fevereiro de 2020
Horário: 21h30
Local: Estádio Moisés Lucarelli; Campinas (SP)

Cartões Amarelos: Liel e Gilsinho (VNFC); Wellington Carvalho e Bruno Reis (AAPP)

Ponte Preta: Ivan; Dawhan, Wellington Carvalho, Henrique Trevisan e Yuri; Danrley (Vinícius Zanocelo), Bruno Reis e João Paulo; Apodi (Bruno Rodrigues), Roger e Felipe Saraiva (Mateus Anderson)
Técnico: João Brigatti

Vila Nova: Fabrício; Crystian, Danrlei (Brunão), Adalberto e Mário Henrique; Liel (Gilsinho), Pedro Bambu e Emanuel Biancucchi; Lucas Silva, Talles e Nando (Dimba)
Técnico: Bolívar

Texto: Matheus Alves, da Assessoria VNFC.