Departamento de Esportes Olímpicos promove atividades à distância para os atletas

Postado em: 01/05/2020 às 14:09 - Modificado em 04/05/2020 às 12:18

O Vila Nova segue em atividade, mesmo que à distância, diante da pandemia do novo Coronavírus. O exemplo disso são os esportes olímpicos, criados no clube no início deste 2020. São 160 atletas de diversas modalidades sob treinos em casa e monitoramento virtual das comissões técnicas.

Para continuar fortalecendo o conhecimento dos atletas, a direção dos Esportes Olímpicos, por intermédio do diretor Willian Mendes, realizou algumas lives nas redes sociais. Os materiais variam de esporte para esporte e podem ser especificos. 

As comissões já possuíam grupos com atletas em aplicativos de mensagens, como o Whatsapp. Desta forma, por conta da quarentena, as trocas de experiências têm se intensificado no virtual. "A gente consegue reunir também na questão de grupos. Dependendo do esporte, setor de defesa, meio, ataque, tem treino específico dentro da realidade de cada um. Estamos buscando também a segurança dos atletas. Cabe ao voleibol, basquete, futsal e todos os esportes nessa perspectiva", afirmou o diretor Willian Mendes.

A direção dos Esportes Olímpicos também pede para que os esportistas filmem os treinos e os direcione para a respectiva comissão técnica. O objetivo é manter o mínimo de condicionamento físico enquanto as atividades não são presenciais. 

Vale lembrar que a peneirada do Futebol Feminino, ocorrido pouco antes do início da quarentena, contou com 15 jogadoras aprovadas. Essas mulheres voltarão ao Vila quando a normalidade se estabelecer. Assim como no futebol masculino, as datas previstas para o retorno estão em constante atualização e dependem do avanço - ou não - da Covid-19, bem como dos decretos estaduais e posicionamento das entidades ligadas ao futebol. 

#TimeDOPovo
#PorDentroTodoMundoÉVermelho

Texto: Matheus Alves, da Assessoria VNFC.