Vila Nova empata sem gols com o Remo na Série C

Postado em: 01/11/2020 às 19:58

Vila Nova empata sem gols com o Remo na Série C
(Foto: Douglas Monteiro / Vila Nova F.C.)

O Vila Nova recebeu o Remo na noite deste domingo (1º) em Goiânia. No OBA, o Tigre empatou sem gols, 0 a 0, com o time paraense.

Desta forma, o clube se mantém na 2ª colocação no Grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C, com 24 pontos somados. Na próxima rodada, o colorado vai até Recife enfrentar o Santa Cruz, fora de casa. A bola vai rolar no Arruda às 19h no próximo sábado (07).

O jogo

A partida começou truncada, com as duas equipes se respeitando e estudando bastante. Apesar disso, foi o Vila Nova quem chegou primeiro após o cruzamento da direita para Henan, que cabeceou pouco acima do gol de Vinicius, aos 2 minutos da etapa inicial.

Aos 22, o Tigrão teve a melhor chance na partida àquela altura. Alan Mineiro achou passe preciso para Rodrigo Alves na direita, que rolou para o centro para Dudu chegar chutando. No rebote, o mesmo Alan Mineiro finalizou da meia-lua e acertou a trave esquerda de Vinícius.

No restante da primeira metade, a partida seguiu truncada, com o Vila Nova comandando o ritmo de jogo.

Já na etapa complementar, o panorama seguia o mesmo. O Vila Nova chegava mais, controlava ações, mas as chances se reduziam bastante devido à boa postura defensiva dos dois times.

Quando o relógio marcava 22 minutos do segundo tempo, Caíque recebeu na ponta direita, invadiu a área e foi derrubado. Pênalti para o Vila Nova. O atacante Henan foi para a cobrança e o goleiro Vinícius acabou defendendo com os pés.

Ficha técnica
Vila Nova 0x0 Remo
13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C 2020
Data: 01º de novembro de 2020
Local: Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA); Goiânia (GO)
Horário: 18h

Árbitro: Ilbert Estevam da Silva (SP)
Auxiliares: Alberto Poletto Masseira (SP) e Amanda Pinto Matias (SP)

Cartões amarelos: Rafael Donato, Pablo Roberto, Francis (VIL); Marlon, Rafael Jansen, Paulo Bonamigo, Tcharlles (REM)
Gols:

Vila Nova: Fabrício; Celsinho, Rafael Donato, Adalberto e Mário Henrique; Dudu (Pedro Bambu), Pablo Roberto (Gilsinho) e Alan Mineiro (Rafhael Lucas); Rodrigo Alves (Francis), Henan e Talles (Caíque)
Técnico: Bolívar

Remo: Vinícius; Ricardo Luz, Mimica, Rafael Jansen e Marlon; Lucas Siqueira, Charles (Júlio Rusch) e Eduardo Ramos (Salatiel); Hélio (Gustavo Hermel), Tcharlles e Wallace (Carlos Alberto)
Técnico: Paulo Bonamigo

Matheus Alves, da Assessoria VNFC.