Vila Nova sofre a primeira derrota no Brasileirão de Aspirantes

Postado em: 08/11/2020 às 17:00

O Vila Nova entrou em campo na tarde deste domingo, 8, para enfrentar a equipe do Paraná pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, no Estádio Durival de Britto, e foi derrotado pelo placar de 3x1. Foi a primeira derrota do Tigre na competição. Os gols foram marcados por Kriguer, Léo Pettenon e Bryan para o time da casa. João Pedro fez o do Colorado.

 

O jogo começou melhor para o Paraná, que obteve a maior parte do volume de jogo e posse de bola. O time da casa abriu o placar aos 21 minutos, com Kriguer. Lucas Sene deixou Kriguer na cara do gol, com a impressão de impedimento. Ele chutou no contrapé de Heitor e marcou. O Tigre chegou ao empate aos 35 minutos da primeira etapa, com João Pedro, em cobrança de pênalti. Na jogada, Gustavinho entrou dentro da área e foi derrubado. O camisa 15 entrou no lugar de Edson, que saiu lesionado. O segundo gol do Paraná foi marcado aos 42, com Léo Pettenon, na sobra de escanteio cobrado.

 

 

No segundo tempo, o Vila Nova conseguiu mudar a postura dentro de campo, mas sem efetividade nas finalizações. O jogo seguiu travado no meio de campo até que aos 38 minutos, Bryan recebeu a bola na entrada da área pela esquerda e soltou um chute forte e cruzado de fora da área, ampliando o placar, sem chance de defesa para Heitor. O jogo terminou assim, 3x1 para o Paraná e a primeira derrota do Tigrão na competição.

 

Com o resultado, o Vila Nova perdeu a terceira posição do Grupo A para o Grêmio e segue com 9 pontos conquistados, na quarta colocação. O Tigrão se prepara agora para receber o Corinthians na próxima quinta-feira, dia 12, às 15h, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga.

 

Ficha técnica

 

Paraná 3x1 Vila Nova

Dia: 08/11

Horário: 15h

Local: Estádio Durival de Britto

 

Árbitro: João Paulo Romano Queiroz (PR)

Auxiliares: Heitor Alex Eurich (PR) e Roberto Rivelino dos Santos Junior (PR)

 

Gols: Kriguer (21’1T), João Pedro (35’1T), Léo Pettenon (42’1T), Bryan (38’2T)

 

Cartões amarelos: Castanha, Higo Magalhães, Nikolas, Guilherme, Paranhos, Danrlei

 

Paraná: Filipe; Paranhos, Léo Pettenon, Guilherme e Bryan; Gabriel Kazu, Kriguer e Lucas Sene; Castanha (Mikael), Luis Felipe (Helbert) e Anderson (Keslley)

 

Técnico: Jorge Ferreira

 

Vila Nova: Heitor Gatti; Phabríccio (Belusci), Luizão, Danrlei e Nikolas; Éder (Otávio), Édson (Gustavinho) e João Pedro; Gaúcho (Matheus), Philippe (Anderson) e Rui

 

Técnico: Higo Magalhães

Núbia Alves, da Assessoria de Imprensa VNFC