Vila Nova reverte resultado, mas perde nos pênaltis para Brasiliense

Postado em: 19/02/2021 às 14:40

Vila Nova reverte resultado, mas perde nos pênaltis para Brasiliense
(Foto: Douglas Monteiro/ Vila Nova F.C.)

O Vila Nova foi a campo na tarde desta quinta-feira, 18, enfrentar o Brasiliense pelo jogo de volta da semifinal da Copa Verde, ganhou no tempo normal e perdeu a classificação nos pênaltis. No Estádio Serejão, 3x1 para o Tigre. Como perdeu o primeiro jogo por 2x0, a disputa foi para os pênaltis e o Colorado saiu derrotado por 5x3.

 

Com o resultado, o Vila Nova ficou fora da competição regional e encerrou de vez as competições da temporada 2020. Agora, o elenco tem 10 dias para trabalhar e recuperar o condicionamento físico, até a estreia no Goianão 2021, dia 28, contra o Jaraguá, no Onésio Brasileiro Alvarenga.

 

O jogo

 

O jogo começou movimentado. O Brasiliense abriu o placar aos 13 minutos, com Zé Love, após cruzamento da direita. Após o gol, o Vila Nova tentou imprimir ritmo de jogo, com maior posse de bola, mas sem efetividade no último terço do campo. Aos 25 minutos, Alan Mineiro mostrou categoria ao bater falta da intermediária e marcar um golaço de empate. 

 

O segundo tempo começou intenso e o Vila precisava do resultado. Aos 2 minutos, Marcos Paulo foi acionado e quase marcou de cabeça. Aos 4, foi a vez do time da casa assustar o goleiro Fabrício com chute de longa distância. Aos 11 minutos, Celsinho acionou Henan, que chutou e a bola resvalou na mão do goleiro e na trave. Aos 20 minutos, Matheus Porto sofreu pênalti. Na cobrança, Alan converteu e marcou o segundo do Tigre. Aos 32 minutos, Alan cruzou para Marcos Paulo na área, ele rolou para trás e achou João Pedro, que marcou o terceiro do Vila.

 

Nas penalidades máximas, o Tigre errou uma cobrança e ficou de fora da grande decisão da Copa V.

 

 

Ficha técnica

 

Brasiliense (5) 1x3 (3) Vila Nova - Semifinal Copa Verde 2020

Dia: 18/02

Horário: 15h30

Local: Estádio Serejão, Taguatinga - DF

 

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)

Auxiliares: Marcio Gleidson Correia Dias (PA) e Hélcio Araújo Neves (PA)

 

Gols: Zé Love (13'1T), Alan Mineiro (25'1T), (21'2T), João Pedro (33'2T)

 

Cartões amarelos: Maicon Assis, Dudu, Márcio Fernandes, Wagner Balotelli, Alan Mineiro, Saimon, André Ferreira (prep. físico Vila)

Cartões vermelhos:

 

Brasiliense: Edmar Sucuri; Diogo, Badhuga, Keynan e Wagner Balotelli; Aldo, Sandy e Zotti (Michel Platini); Maicon Assis (Peninha), Jeferson Maranhão e Zé Love (Tobinha)

 

Técnico: Vilson Tadeu

 

Vila Nova: Fabrício; Celsinho, Nilson Júnior (Danrlei), Saimon e Willian Formiga; Yuri (Kallyl), Dudu e Alan Mineiro; João Pedro, Marcos Paulo (Maurinho) e Henan (Matheus Porto)

 

Técnico: Márcio Fernandes

 

 

Núbia Alves, Assessoria de Imprensa VNFC